quarta-feira, 13 de outubro de 2010

FORÇA SEBASTIÃO!

A notícia que vem hoje na página 19 do Correio da Manhã (sem versão online) foi-me dada ontem ao telefone pelo seu pai atónito: Sebastião, seu filho, acabara de voltar para casa proibido de participar numa sessão sobre o Centenário da República na Escola Secundária de S. João do Estoril por envergar uma t-shirt azul como a da fotografia. Este acto de descarado despotismo só se compreende na velha óptica republicana que por um ideal que acreditam sagrado e indiscutível se condiciona a liberdade de escolha e de expressão às pessoas. Da minha parte até percebo a cautela destes zelosos milicianos do regime: da minha experiência em escolas onde se promoveram debates francos e abertos sobre a monarquia e república, foi surpreendente a adesão e o entusiasmo dos alunos, sempre rebeldes, pela opção monárquica, ou simplesmente pela desmontagem da propaganda dos poderosos. Força Sebastião! Força Sebastiões!
João Távora

4 comentários:

FLV disse...

Força Sebastião!

Miguel de Paiva Couceiro disse...

Força, muita força Sebastião, corajoso como o seu bisavô Victor. Precisamos ne novos Paivantes como o Sebastião, BRAVO!
Tio Miguel

Pedro Paiva Araújo disse...

Grande Sebastião,

Também tenho uma t-shirt dessas, usei-a nas praias durante o Verão e tive de ouvir as piadolas e críticas do costume.
Mas como é obvio...nunca a tirei e usei-a sempre como muito orgulho!
Tens todo o meu apoio e de muitos, muitos, muitos mais portugueses que estão contigo!
Abraço, tens o meu apoio e conta sempre comigo!

Post Scriptum: Já fiz divulgação deste acto lamentável no PeAn e no facebook (no "Protect the King"). Este esquema de 100 anos em Portugal tem de ser denunciado e repudiado, quer por monárquicos, quer por não monárquicos que acreditem na liberdade.

Maria Menezes disse...

Também divulguei no FB este acto lamentável duma escola. Resumindo e concluindo, estão todos com medo da Monarquia mas temos que pôr esta "corja" republicana em pânico e temos que ser fortes e continuar com a nossa divulgação. E que saiam mais t-shirts destas à rua pois a coragem não nos falta, felizmente. Eu própria também andei com t-shirts e aliás tenho cá em casa uma colecção bastante vasta.